Saque extraordinário do FGTS: Descubra tudo sobre!

Na última quarta-feira, dia 18 de maio, a Caixa Econômica Federal fez a liberação de mais um saque extraordinário do FGTS para os trabalhadores nascidos no mês de junho, mas algumas pessoas estão enfrentando problemas para receber o dinheiro.

Seja por bloqueio judicial ou dados inconsistentes, algumas pessoas não vão conseguir receber o valor neste mês e, por conta disso, criamos um texto com todas as informações sobre esse saque extraordinário. 

O saque extraordinário do FGTS

O saque extraordinário do FGTS começa a ser pago todo o mês de abril, no dia 20, e será pago de acordo com o mês de nascimento do trabalhador. O crédito do Saque Extraordinário do FGTS será realizado na Conta Poupança Social Digital, aberta automaticamente pela CAIXA em nome dos trabalhadores.

É importante ressaltar que o valor liberado pela Caixa para o saque extraordinário é de até R$ 1 mil por trabalhador, mesmo que você tenha mais dinheiro disponível no seu saldo, além disso, o valor liberado considera a soma dos saldos disponíveis de todas as suas contas do FGTS.

Segundo as informações disponibilizadas pela Caixa, serão liberados cerca de R$ 30 bilhões para cerca de 42 milhões de trabalhadores com direito ao saque.

Quem tem direito a receber o valor?

Se você é trabalhador com carteira assinada e possui conta ativa ou inativa no FGTS, você tem direito a receber o valor disponível, com base na soma dos seus saldos, como já citamos anteriormente. 

A única coisa para a qual você deve ficar atento é se o saldo está disponível na sua conta, todavia, ele poderá ser conferido no aplicativo do FGTS, onde também é possível conferir qual dia ele será liberado, conforme a sua data de nascimento, seguindo o calendário que deixamos no próximo tópico. 

Caso você não queira realizar o saque extraordinário agora, não tem problema, diretamente no aplicativo da Caixa, ou em uma das agências, você consegue fazer o bloqueio do débito e desbloquear quando quiser.

Calendário de saques

É importante comentar que não são apenas os trabalhadores que nasceram no mês de junho que têm direito ao saque extraordinário, por isso você pode conferir quando terá direito ao seu benefício com base no calendário abaixo, disponibilizado pela Caixa.

  • Nascidos em janeiro – 20 de abril;
  • Nascidos em fevereiro – 30 de abril;
  • Nascidos em março – 4 de maio;
  • Nascidos em abril – 11 de maio;
  • Nascidos em maio – 14 de maio;
  • Nascidos em junho – 18 de maio;
  • Nascidos em julho – 21 de maio;
  • Nascidos em agosto – 25 de maio;
  • Nascidos em setembro – 28 de maio;
  • Nascidos em outubro – 1º de junho;
  • Nascidos em novembro – 8 de junho;
  • Nascidos em dezembro – 15 de junho.

Em quais casos terei o meu dinheiro bloqueado?

Infelizmente, não são todos os trabalhadores que vão conseguir sacar o valor agora, mesmo com o nascimento no mês de junho, pois em alguns casos a Caixa está fazendo o bloqueio do saque extraordinário. 

Os principais motivos pelos quais pode haver bloqueio do seu saque extraordinário são:

  • Contratação de operação de crédito com antecipação do Saque- Aniversário do FGTS;
  • Determinação judicial para o bloqueio;
  • Pedido de devolução do valor recolhido por parte do empregador;
  • Dados inconsistentes, incorretos, ou incompletos no seu cadastro da Caixa.

Se você tiver alguma dúvida sobre o que aconteceu com o seu saldo, caso ele esteja bloqueado, você pode entrar em contato com a Caixa através do aplicativo do FGTS ou pelo número 0800 104 0104.

Como fazer o desbloqueio do meu saldo em caso de dados inconsistentes?

Como citamos anteriormente, um dos motivos pelo qual o seu saque extraordinário pode ter sido bloqueado é por conta da falta de dados ou por dados inconsistentes no sistema da Caixa, mas felizmente existe uma forma bem simples e rápida de resolver esse problema.

Caso o seu saque não tenha sido disponibilizado de forma automática, você precisará baixar o aplicativo do FGTS, que está disponível para sistemas Android e iOS nas suas respectivas lojas de forma gratuita e ir na opção Saque Extraordinário, que está disponível no menu principal.

Você deverá realizar a complementação ou confirmação dos seus dados pessoais e clicar na opção Solicitar saque para ter o seu valor disponível liberado. Depois dessa liberação, você deverá utilizar o aplicativo Caixa Tem para as transações, podendo transferir o valor para outra conta ou usar o cartão de débito virtual para o pagamento. 

O Portal Mi Crédito pertence a JN Content, portadora do CNPJ 44.211.659/0001-62.

Copyright © 2021 MI Crédito | desenvolvido por Mediaz

Procurando cartão…